Tendências

O que é o SUS

. Conjunto de ações e serviços de saúde prestados por órgãos e instituições Públicas Federais, Estaduais e Municipais, podendo tais ações e serviços ser complementados pela iniciativa privada.

. Compõe um conjunto de unidades que se integram numa rede de serviços e ações para um fim comum.
. Baseado nos preceitos Constitucionais, o SUS norteia-se pelos princípios doutrinários da universalidade, equidade e integralidade.

Os princípios do SUS

Universalidade: garante que todas as pessoas tenham direito ao atendimento e acesso das ações e serviços de saúde, independente de cor, raça, religião, local de moradia, situação de emprego ou renda, e outros.

Equidade: prevê que todo cidadão é igual perante o Sistema Único de Saúde e será atendido conforme as suas necessidades. Os serviços de saúde devem funcionar levando-se em consideração as especificidades de cada região, classe social ou grupo que compõe o todo da população. Os grupos podem apresentar formas diferentes de viver, podendo também adoecer de forma diferente, bem como satisfazer suas necessidades de vida também de forma diferente. Portanto, os serviços de saúde devem trabalhar com esta pluralidade de realidades, e oferecer mais a quem precisa mais, tratando desigualmente os desiguais, diminuindo as desigualdades.

Integralidade: o ser humano é compreendido em sua totalidade, submetido as mais diferentes situações de vida e trabalho, que podem levá-lo a adoecer e morrer. Portanto as ações e serviços de saúde devem contemplar ao mesmo tempo a cura e a prevenção, estendendo-se para o social e buscando compreender os mais diferentes aspectos da totalidade do ser humano, procurando reconhecer os fatores determinantes e condicionantes da saúde, tais como a alimentação, a moradia, o saneamento básico, o meio ambiente, o trabalho, a renda, a educação, o transporte, o lazer, o acesso aos bens e serviços essenciais, sendo que seus níveis  expressam a organização social e econômica do país.

 

Planetree, onde tudo começou

A arquitetura centrada no paciente ou Patient-Centered Care surgiu com a organização sem fins lucrativos Planetree , fundada em 1978, por Angelica Thieriot, que teve uma experiência que chamou de traumática, durante sua internação em um hospital, em São Francisco, Califórnia, EUA.

Segundo seu relato, ela teve um misto de sentimentos durante a sua permanência na instituição: enquanto era cercada de cuidados que se valiam da mais alta tecnologia médica, o seu relacionamento com a equipe de médicos e de enfermagem era apavorante.

"Atualmente, os preceitos do programa Patient-Centered Care estão presentes em mais de quarenta centros de saúde dos EUA e Canadá, desde pequenos hospitais rurais de 30 leitos até grandes centros médicos urbanos de 1300 leitos, incluindo serviços de emergência e de cuidados intensivos, internações de longa permanência, ambulatórios e centros médicos públicos que operam em variados cenários, procurando estabelecer adaptações, individualizadas para cada um dos diversos tipos de assistência e de perfil institucional", de acordo com o grupo de pesquisa Espaço Saúde/ PROARQ-FAU/UFRJ, criado em 2002 em parceria com o Núcleo de Estudos de Saúde Coletiva-NESC-UFRJ.

Os princípios que fundamentam a assistência à saúde do Patient-Centered Care baseiam-se na humanização do ambiente e da relação entre o paciente e o corpo clínico.

Objetivos do Humaniza SUS

- Redução de filas e do tempo de espera, com ampliação do acesso;

- Atendimento acolhedor e resolutivo baseado em critérios de risco;

- Implantação de modelo de atenção com responsabilização e vínculo;

- Garantia dos direitos dos usuários;

- Valorização do trabalho na saúde;

- Gestão participativa nos serviços.

Núcleo de Pesquisa e Estudos Hospital Arquitetura

Tel.: 11 5584-5277
nupeha@hospitalarquitetura.com.br