A arquitetura do PS em Suzano, SP, redesenhou o espaço urbano

Fotos: Edmilson Santana

 Criado para expandir os serviços e os procedimentos médicos do município de Suzano, pela Diretoria de Projetos Públicos, graças ao projeto, contemporâneo e humanizado, o novo prédio municipal possibilita um melhor acolhimento de usuários e condições diferenciadas de trabalho aos profissionais de saúde.

Implantado de forma a compor um espaço de recepção de pacientes e reorganizar a paisagem urbana do centro expandido da cidade no lote de esquina por meio de uma praça, o Ambulatório de Especialidades Médicas, composto por dez consultórios clínicos, espaço para pequenas cirurgias, exames de eletrocardiograma, audiometria, ultrassonografias e mamografia, tornou-se referência para os usuários da saúde e transeuntes que passam pela região.

Composto por um conjunto de volumes em concreto armado e vidro ligados por uma cobertura que delimita, organiza e distribui todo programa de necessidades, o edifício tem implantação mais livre e sem barreiras físicas, a qual o insere em um grande espaço verde.

No setor mais reservado e protegido, foi locada toda área de procedimentos médicos e cirúrgicos, bem como salas de observação e medicamentos, com acessos e rotas exclusivas a cada uso. Sobre este, se encontra a administração, que surge como uma caixa de concreto translucida protegida pelo brise-soleil em madeira, reforçando o requadramento da paisagem local.

A área dos consultórios foi organizada em forma de “U” abraçando o acesso principal e marcando a entrada desde a rua, o ponto de ônibus e a praça até a recepção da edificação, enquanto que o auditório surge atrás da empena de concreto como um monolítico preto e entrada protegida por marquise “flutuante” na cor amarela.

Os materiais foram empregados de forma rústica, assim como praticamente todo sistema estrutural, que se encontra aparente, intervindo abruptamente com o contexto. O concreto aparente nas empenas torna-se contraposição à leveza e permeabilidade do vidro presente na solução de fechamento das circulações, ao mesmo tempo em que sua força ou peso confere plasticidade e estética ao conjunto.

As vigas de concreto em formato de “U”, ficam expostas junto à alvenaria e criam um sistema de calha moldada in loco, que permitiu a não utilização de lajes, sendo estas recobertas por estruturas e coberturas metálicas (tipo sanduíche) favorecendo a rapidez na construção, bem como um ganho significativo no conforto ambiental.

Elemento marcante é a cortina de blocos vazados em concreto na cor amarelo, que buscam referencias no tradicional cobogó, utilizados ora como elementos estéticos vinculados aos novos elementos arquitetônicos contemporâneos, ora atenuantes nas trocas térmicas – interior x exterior – e ora contrapondo a tons pastel utilizados nos edifícios de saúde tradicionais.

Outro recurso são os brises-soleil, aqui utilizados com técnicas mistas, a partir de perfis em aço como estrutura vertical (de laje a laje), que recebem laminas retangulares de madeira certificada, com simples sistema de fixação.

"Mais que a arquitetura, o espaço se torna signo representativo na escala da cidade, recupera a dignidade dos cidadãos e desperta um sentimento de respeito mutuo”.

Dados
Data do projeto: 2006
Data da obra: 2009
Área do Terreno: 5.000 m²
Área de construção: 1.000 m²

Ficha Técnica
Arquitetura: Elvis Vieira e Ricardo Hatiw Lú,
da Diretoria de Projetos Públicos – SMPU – Prefeitura Municipal de Suzano

Execução: Construtora Chaia Ltda (1ª fase) e
PS Engenharia Construção e Comércio Ltda (2ª fase)
Gerenciamento da obra: Eng. Civil Antonio Carlos Pereira de Souza
Diretoria de Obras – SMIOIES – Prefeitura Municipal de Suzano

Fornecedores
Cobertura e Caixilharia: Lúcida Construção Civil e Metálica
Forro de gesso: Gesso Dantas
Piso: Nego Granilite
Elemento vazado: Lufran Pré moldados de concreto
Pintura, tintas: Riskgraf
Proteção Radiológica: Grupo GRX Brasil

Projeto rompe o paradigma de que edificações institucionais de saúde são frias, com arquitetura “pobre”, e sem humanização e qualidade ambiental

blog comments powered by Disqus

Newsletter

Selecione sua área de interesse:

Núcleo de Pesquisa e Estudos Hospital Arquitetura

Tel.: 11 5584-5277
nupeha@hospitalarquitetura.com.br